Cookies management by TermsFeed Cookie Consent

A candidatura desmoronada

Com a recente exposição, e muita poeira levantada do passado, Álvaro Dias percebeu que a campanha de Moro não valia tanto desgaste, pois não engrenaria mais até Abril.

Divulgação

A candidatura desmoronada

Por Victor Vonn Serran - 24/01/2022

Com a recente exposição, e muita poeira levantada do passado, Álvaro Dias percebeu que a campanha de Moro não valia tanto desgaste, pois não engrenaria mais até Abril. O fato do juiz não apresentar suas contas ao TCU, no que tende as denúncias da Álvares e Marsal, ampliam a polêmica, e dinamitam a candidatura do Marreco.

Bivar está atento, e uma pré negociação envolvendo a filiação de Moro no União Brasil, pode ir por agua abaixo, com uma ajudinha extra de Flávio Bolsonaro. Ciro, que estava apagado, começa a bater em Lula pelas tangentes, no intuito de alimentar a esperança de ir com o presidente para o segundo turno, já que entendeu que boa parte da esquerda não aprova a chapa do Molusco com Alckmin.

Os governadores estão preocupados com o ICMS dos combustíveis, pois sabem que se a gasolina cair, Bolsonaro pode ter uma melhora na percepção pública. Criar um clima de caos com a nova variante parece ser um caminho, porém estão minados pelas notícias do exterior, que começaram a tratar o Chinavirus como uma gripe comum.

Parte da oposição começa a perceber que se nem o pandemônio com todos os seus problemas, não conseguiram derrubar Bolsonaro, sua reeleição é uma realidade que eles obrigatoriamente, vão ter de cogitar.


Compartilhe

Últimas Postagens