ONG Cinema Nosso cria intercâmbio cultural junto a universidade americana

Programa irá do dia 16 até o dia 30 de julho.

ONG Cinema Nosso cria intercâmbio cultural junto a universidade americana Foto: Página do Facebook CINEMA NOSSO

ONG Cinema Nosso cria intercâmbio cultural junto a universidade americana

Ciência e Tecnologia Por: Natalie Gallacci - 26/07/2021

O programa que vai do dia 16 até 30 de julho está sendo realizado pela Organização Não Governamental (ONG) Cinema Nosso, seguimento ao intercâmbio cultural das alunas de formação audiovisual com os da universidade Middlebury College Center for Community Engagement (CCE), situada no estado de Vermont, nos Estados Unidos.

O intuito do programa é juntar as alunas das formações de audiovisual, roteiro para séries da organização e games (jogos), com estudantes do Portuguese Language School (Escola do Idioma Português) da universidade norte-americana. O projeto de intercâmbio cultural, nomeado de Conversas com Cinema Nosso, iniciou neste último dia 16, tendo uma terceira edição ainda este mês. no decorrer do encontro virtual, as estudantes envolvidas trocam conhecimentos de suas culturas

A conversa é intermediada por uma estagiária do CCE e pela coordenadora do Programa de Formação para Jovens Negras do Cinema Nosso, Gabriela Gonçalves, com atividades de inclusão, facilitando a troca de experiências das integrantes. “A repercussão é bem positiva. As nossas alunas estão bem engajadas no sentido de ampliar o conhecimento, ter autonomia. Elas seguem buscando lugares para aumentarem o universo cultural delas e muitas querem fazer intercâmbio mesmo. Veem o intercâmbio ‘online’ como uma oportunidade de se aproximarem mais desse sonho, desse projeto que elas têm individualmente”, disse Gabriela.

Segundo a coordenadora “A gente sempre pensa em ampliar e fazer essas conexões, pensando na formação dos nossos estudantes. A intenção é permanecer e, quem sabe, fazer coisas maiores, quando a pandemia terminar, como intercâmbio presencial”, o Cinema Nosso planeja dar seguimento à parceria com a CCE e outras organizações estrangeiras. A ONG recebia inúmeros voluntários estrangeiros antes da pandemia, além dos trabalhos feitos na organização, também era falado das culturas em seus países e seus estilos de vida.

Laíz Muniz, uma estudante de formação de Roteiro para Séries do Cinema Nosso, esteve no primeiro encontro que aconteceu dia 16 de julho e disse ter gostado da experiência, “O Cinema Nosso é um espaço que nos proporciona diversas oportunidades e uma delas foi a parceria com a Universidade Middlebury. Sem dúvida, foi uma das melhores experiências da minha vida. Sempre tive o sonho de fazer intercâmbio e pude realizar sem sair de casa. Foi um evento lindo, compartilhamos experiências com as alunas americanas e entendemos mais sobre sua cultura e vivência”, disse.

A coordenadora Gabriela Gonçalves falou que o Cinema Nosso, escola de audiovisual e novas tecnologias que atende adolescentes, crianças e jovens de 18 a 29 anos, quer dar continuidade aos cursos de formação no segundo semestre nas áreas de cinema, audiovisual e jogos, além de oficinas para a formação de professores em novas tecnologias, mais direcionadas a educadores da rede pública de ensino do Rio de Janeiro, “A gente vai abrir mais formações para crianças, adolescentes e jovens e fazer eventos para a inserção das mulheres na área de jogos. A gente tem muito também essa pegada”, acrescentou.

Também faz parte dos planos até o final de 2021 a proposta de laboratórios de formação no universo da cultura digital, dentro da dinâmica de entender a tecnologia, a internet, a cultura digital como forma de empoderamento e de expandir cada vez mais a cultura nesses espaços para a juventude. Segundo Gabriela Gonçalves, os laboratórios pretendem instrumentalizar pessoas, “grupos que queiram se inserir na cultura digital. Teremos laboratórios de rede social, que vão ensinar como fazer vídeos, edição, sites”.

A organização sociocultural Cinema Nosso foi gerada há 20 anos com o objetivo de promover experiências de tecnologia e inclusão para a formação de narrativas juvenis, desenvolvendo a cadeia produtiva do audiovisual no Rio de Janeiro. Foi criada informalmente em 2000, com o nome inicial Nós do Cinema, após o processo de seleção de elenco para o filme "Cidade de Deus", de Kátia Lund e Fernando Meirelles. Nos dias de hoje, o Cinema Nosso é um centro de inovação e tecnologia, que disponibiliza projetos para a infância e juventude. É reconhecida como uma das maiores escolas populares de audiovisual na América Latina, com mais de 5 mil jovens formados em seus cursos, a ONG tem metodologia certificada no Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologia Social 2019.

Para quem tem interesse em se inscrever nos cursos de formação do Cinema Nosso, basta acessar as redes sociais da ONG no facebook ou instagram.


Compartilhe