Cookies management by TermsFeed Cookie Consent

Sorocaba será primeira cidade do Sudeste do País a receber sistema de iluminação pública com tecnologia 5G

Sorocaba será a primeira cidade da região Sudeste do Brasil a receber, gratuitamente e em caráter de projeto-piloto, sistema de iluminação pública equipado com tecnologia de quinta geração (5G

Sorocaba será primeira cidade do Sudeste do País a receber sistema de iluminação pública com tecnologia 5G Foto: Agência Sorocaba

Sorocaba será primeira cidade do Sudeste do País a receber sistema de iluminação pública com tecnologia 5G

Ciência e Tecnologia Por: Alexandre Branco - 08/02/2022

Sorocaba será a primeira cidade da região Sudeste do Brasil a receber, gratuitamente e em caráter de projeto-piloto, sistema de iluminação pública equipado com tecnologia de quinta geração (5G) de conectividade móvel. A medida será viabilizada por meio de parceria entre a Prefeitura de Sorocaba e o Ministério das Comunicações, via Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI).

A previsão é que o Acordo de Cooperação Técnica entre as partes seja assinado ainda em fevereiro, conforme apontado em reunião realizada, na segunda-feira (7), entre o prefeito Rodrigo Manga (Republicanos), o presidente do Parque Tecnológico de Sorocaba (PTS), Nelson Cancellara, e o presidente da ABDI, Igor Calvet. A articulação para tornar possível essa parceria foi feita pelo deputado federal Marcos Pereira.

“Trata-se de tecnologia transformadora em todas as áreas do conhecimento. A medida vai ao encontro de nossa proposta de criar uma Sorocaba mais humanizada e inovadora, na vanguarda do País. Incialmente, a ideia é instalar essas lâmpadas 5G como modelo, ao longo de uma via na região central da cidade, de grande fluxo de pessoas, a atender, sobretudo, os terminais de ônibus e empresas nas proximidades”, adianta o prefeito Rodrigo Manga.

A iniciativa faz parte do programa Conecta 5G, do Ministério das Comunicações, cuja apresentação do projeto-piloto para utilização das lâmpadas 5G ocorreu em dezembro do ano passado, em Natal (RN). As luminárias inteligentes fazem a transmissão do sinal, por meio de antenas de internet sem fio, instaladas nos postes, e ainda podem contar com câmeras de alta tecnologia, com reconhecimento facial. O sinal 5G é aproximadamente 100 vezes mais veloz que o 4G.

“O Parque Tecnológico de Sorocaba estará capitaneando esse projeto, juntamente com as secretarias de Serviços Públicos e Obras (Serpo), Mobilidade e Desenvolvimento Estratégico (Semob), Governo (Segov) e Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo (Sedettur), mais o apoio da ABDI, para que os resultados sejam atingidos e, no futuro, seja possível disponibilizar para outras áreas da cidade”, aponta o presidente do PTS.

Segundo o presidente da ABDI, a meta do projeto federal é contemplar, em um primeiro momento, cidades com mais de 500 mil habitantes. Depois, serão atendidas localidades acima de 100 mil, seguidas daquelas com mais de 30 mil habitantes e, assim, sucessivamente, até que todas as 5.570 cidades brasileiras estejam plenamente cobertas em 2029.

“A nossa ideia é aproveitar a iluminação pública para oferecer acesso à internet de alta velocidade e de qualidade para os cidadãos e empresas. Aplicando essa tecnologia em pequenas, médias e grandes cidades, queremos mudar a capacidade dos municípios de oferecerem conectividade”, complementa Igor Calvet.

(Com informações da Agência Sorocaba)


Compartilhe