É encontrado site falso que rouba dados de servidores públicos

Página apreende usuários e senhas do App SouGov.br.

É encontrado site falso que rouba dados de servidores públicos Foto: Fabrio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

É encontrado site falso que rouba dados de servidores públicos

Economia Por: Natalie Gallacci - 27/07/2021

O Ministério da Economia pediu o cancelamento de um site enganoso registrado no exterior que rouba informações de servidores públicos federais, esta foi a segunda vez em poucos dias que a atitude teve que ser tomada. A página rouba senhas e usuários do App SouGov.br. O alerta foi publicado nesta segunda-feira (26/07) pela Secretaria de Gestão e Desempenho de Pessoal do Ministério da Economia. O endereço falso que está atuando é servidor.sougovbr.online.

Inaugurado em maio, o SouGov.br substituiu o App Sigepe Mobile, com cerca de 30 serviços à disposição dos servidores federais como fornecimento de contracheque, envio de atestados médicos, consultas de prévia de salário e prova de vida para aposentados e pensionistas.

Foi orientado pela Secretaria do Ministério da Economia que os servidores federais digitem o login e a senha do SouGov.br somente no App baixado da loja virtual oficial do Governo, caso algum servidor já tenha colocado os dados no site falso, o órgão pede a troca da senha o mais rápido possível no Portal Gov.br e dos sistemas Sigac/Sigepe. Para tirar as demais dúvidas, os servidores públicos podem entrar em contato com a Unidade de Gestão de Pessoas do seu órgão ou com a Central de Atendimento Sipec, no telefone 0800-978-9009, a central pode ser acessada pela internet também.

Sendo o segundo alerta feito nos últimos dias pelo órgão, na sexta-feira passada (23/07), a secretaria já tinha descoberto o primeiro site falso, também hospedado no exterior, onde colhia informações de usuários e senhas do Sistema de Gestão de Acesso do Governo Federal (Sigac). O Sigac possibilita que os gestores modifiquem os dados do funcionalismo federal e também dá acesso ao Sigepe. Neste programa, os servidores federais do Poder Executivo (ativos e inativos), pensionistas e funcionários de estatais conseguem informações sobre contracheques e férias, baixam comprovantes do Imposto de Renda e atualizam ou alteram dados cadastrais.


Compartilhe