Governo Federal entrega obras na região Sudeste

Além do Estado de São Paulo, as entregas de obras e serviços do Governo Federal na região Sudeste também ocorreram em Minas Gerais, Rio de Janeiro e Espírito Santo.

Governo Federal entrega obras na região Sudeste Foto: Isac Nóbrega / PR

Governo Federal entrega obras na região Sudeste

Geral Por: Alexandre Branco - 06/10/2021

A população de Campinas começou a receber os corredores de BRT (Bus Rapid Transit). Parte das obras dos três corredores foram entregues no dia 30 de setembro e faz parte das celebrações de Mil Dias do atual governo. Além do Estado de São Paulo, as entregas de obras e serviços do Governo Federal na região Sudeste também ocorreram em Minas Gerais, Rio de Janeiro e Espírito Santo.

Campinas

As obras do BRT de Campinas, que começaram a ser entregues agora, deverão ser concluídas no início do ano que vem. A projeção é que o empreendimento beneficie cerca de 425 mil pessoas, o equivalente a 40% da população de Campinas.

Os investimentos nos corredores Ouro Verde, Campo Grande e de Interligação Perimetral somam R$ 458 milhões. Desse total, R$ 98,8 milhões são provenientes do Orçamento Geral da União (OGU), por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), R$ 197 milhões de financiamentos com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e R$ 162,3 milhões correspondem a contrapartida feita pela Prefeitura de Campinas, que é responsável pelas obras.

Praia Grande

Ainda no Estado de São Paulo, o Ministério do Desenvolvimento Regional entregou 256 moradias a famílias de baixa renda da cidade de Praia Grande, no litoral paulista.

O investimento federal nos imóveis entregues foi de R$ 24,3 milhões, por meio do Fundo de Arrendamento Residencial (FAR), com uma contrapartida de R$ 7,7 milhões do governo estadual. O terreno foi doado pela Prefeitura de Praia Grande. As unidades entregues agora fazem parte dos módulos V e VI do Conjunto Habitacional Jardim Imperador. No total, o conjunto habitacional é composto por quatro condomínios, totalizando 436 unidades. Os módulos III e IV foram inaugurados em fevereiro e maio deste ano e contam com 90 moradias cada.

São João da Barra

São João da Barra, no Estado do Rio de Janeiro, passou a contar com a segunda maior termelétrica do país. A Usina Termelétrica (UTE) GNA I, que funciona a gás natural e foi inaugurada com a presença do Ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque. A usina tem capacidade instalada de 1.338 MW, energia suficiente para atender cerca de 6 milhões de residências e está integrada ao Sistema Interligado Nacional.

Com investimentos de cerca de R$ 5 bilhões, a UTE GNA I gerou mais de 12 mil empregos. Localizada no Porto do Açu, região norte do Estado do Rio, a UTE GNA I opera com custo mais baixo e menor nível de emissões do que termelétricas mais antigas.

Bento Albuquerque destacou que a usina é essencial para o País devido à maior escassez hídrica da história do Brasil. “Eu estive aqui, há dois anos, em agosto de 2019, quando não havia ainda a pandemia, e tinha a percepção de que esse empreendimento era de suma importância para a segurança energética do país e também para a complementaridade de um país como o nosso, que tem uma das matrizes mais limpas do mundo, é necessário ter uma geração como esta", disse o ministro.

Brejetuba

A cidade de Brejetuba, no Espírito Santo, passou a contar com uma Unidade Operacional da Polícia Rodoviária Federal (PRF), localizada na rodovia BR 262. A inauguração contou com a presença do ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres.

A nova instalação conta com canil, cobertura e plataforma de fiscalização, elevador para veículos e um módulo para instituições conveniadas operarem de forma integrada. Além disso, a nova instalação atende a requisitos de menor impacto ambiental. O investimento chegou a R$ 4,8 milhões.

Mato Grosso

E a região Centro-Oeste também está recebendo inaugurações. Em Rondonópolis, o ministro da Educação, Milton Ribeiro, fez a entrega das usinas fotovoltaicas I e II e a inauguração da nova infraestrutura de tecnologia da informação, além da reforma do restaurante universitário e do bloco A da Universidade Federal de Rondonópolis (UFR). O ministro também anunciou o início das obras do ambulatório escolar, do Bloco G (Laboratórios) e a retomada das obras no Bloco F (Saúde) da UFR.

Já em Várzea Grande, Milton Ribeiro participou da assinatura de retomada das obras do Campus do Instituto Federal do Mato Grosso (IFMT) e da inauguração do anfiteatro, das novas salas de aula, de Informática e do laboratório de química.

No dia 1º de outubro, o ministro Milton Ribeiro acompanhou a inauguração da Escola Cívico-Militar Professora Maria Dimpina Lobo Duarte, em Cuiabá (MT).

Presidente Jair Bolsonaro em Belo Horizonte

A capital mineira também está ganhando melhorias na mobilidade. Em Belo Horizonte, o presidente Jair Bolsonaro anunciou investimentos para ampliar e modernizar o metrô da cidade.

O Ministério do Desenvolvimento Regional vai destinar R$ 2,8 bilhões para a conclusão do processo de desestatização da Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) na região metropolitana de Belo Horizonte. O processo também envolve a concessão da Linha 1, em operação e da Linha 2, a ser construída.

O presidente Jair Bolsonaro lançou ainda a pedra fundamental para a construção do Centro Nacional de Vacinas MCTI. O local vai servir de hub para que sejam desenvolvidos projetos de inovação nas áreas de vacinas, kits diagnósticos e de fármacos, com foco na transferência tecnológica para empresas e instituições que atuem no mercado de saúde.

Serão investidos cerca de R$ 50 milhões do Governo Federal, por meio do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações, e R$ 30 milhões do governo de Minas Gerais.

Para conferir todas as entregas realizadas pelo Governo Federal, acesse https://www.gov.br/nossobrasil/ .

(Com informações da Central de Conteúdos do Palácio do Planalto)


Compartilhe