Cookies management by TermsFeed Cookie Consent

Padre ortodoxo diz que o Papa é um herege

Padre Ioannis Diotis gritou em público e precisou ser contido pela polícia.

Padre ortodoxo diz que o Papa é um herege Foto: Reprodução/redes sociais

Padre ortodoxo diz que o Papa é um herege

Geral Por: Thiago Silva - 07/12/2021

Em Atenas, capital da Grécia, o Papa Francisco foi recebido aos gritos de “herege” pelo padre ortodoxo, Ioannis Diotis. O padre que estava muito exaltado precisou ser contido pela força policial e levado para outro local. O fato ocorreu no sábado (4), quando o Papa Francisco estava em visita à Igreja Ortodoxa na capital grega.

“Papa, você é um herege”, gritou o padre, alto o bastante para que o líder da Igreja Católica ouvisse, segundo testemunhas.

Para a imprensa local, Ioannis disse que a visita do papa Francisco é “inaceitável”.

“Eu disse que ele é um herege, para se arrepender. É inaceitável o Papa na Grécia, ele deveria se arrepender ” reiterou.

O Papa entrava no arcebispado de Atenas para se encontrar com o chefe da Igreja Ortodoxa Grega no momento em que foi confrontado.

Esta não é a primeira vez que um pontífice é alvo de protestos em viagem à Grécia. Em 2001, João Paulo II foi confrontado por parte de monges e clérigos. Na ocasião, o pontífice pediu desculpas por erros cometidos por católicos aos irmãos ortodoxos.

Aquela foi a primeira visita de um papa à região desde o Grande Cisma, em 1054, quando houve a separação entre cristãos ocidentais e orientais.


Compartilhe