Cookies management by TermsFeed Cookie Consent

Twitter censura publicações de Silas Malafaia

A rede social removeu postagens do pastor, após o mesmo postar um vídeo sobre vacinação em crianças.

Twitter censura publicações de Silas Malafaia Foto: O Globo

Twitter censura publicações de Silas Malafaia

Geral Por: Thiago Silva - 11/01/2022

O pastor Silas Malafaia, voz forte da direita brasileira, teve algumas de suas publicações removidas de sua conta do Twitter, logo após o fato, o pastor se pronunciou em sua conta do Instagram dizendo que “O Twitter é uma vergonha!”. Dentre as postagens estava uma sobre a vacinação contra a Covid-19 em crianças.

O religioso disse que suas publicações foram derrubadas porque elas foram feitas contra a Globo e a favor do presidente Jair Bolsonaro (PL). Malafaia ainda enfatizou que todas as informações divulgadas por ele sobre a vacinação em crianças são do Ministério da Saúde, e não são fake news, o que lhe dá legitimidade para falar do assunto. Mais de dez tweets de Malafaia aparecem como indisponíveis em seu perfil oficial, no Twitter.

De acordo com a revista Fórum, o Twitter tem uma política específica para publicações sobre Covid-19.

“Conteúdo que seja comprovadamente falso ou enganoso e que possa causar risco significativo de danos (como aumento da exposição ao vírus ou efeitos adversos sobre os sistemas de saúde pública) não pode ser compartilhado no Twitter. Isso inclui compartilhar conteúdo que induza as pessoas ao erro quanto à natureza do vírus [da] COVID-19; [à] eficácia e/ou segurança de medidas preventivas, tratamentos ou outras precauções para mitigar ou tratar a doença; [a] regulamentos oficiais, restrições ou isenções relativas a orientações de saúde; ou [à] prevalência do vírus ou risco de infecção ou morte associados à COVID-19” diz o Twitter.


Compartilhe