Cookies management by TermsFeed Cookie Consent

Bolsonaro nomeia Adolfo Sachsida para o Ministério de Minas e Energia.

Adolfo irá substituir Bento Albuquerque.

Bolsonaro nomeia Adolfo Sachsida para o Ministério de Minas e Energia. Foto: VEJA

Bolsonaro nomeia Adolfo Sachsida para o Ministério de Minas e Energia.

Geral Por: Thiago Silva - 11/05/2022

Após exonerar Bento Albuquerque do comando da pasta de Minas e Energia, o Presidente Jair Bolsonaro (PL) nomeou Adolfo Sachsida para ocupar o Ministério, a substituição consta na edição desta quarta-feira (11) do Diário Oficial da União e faz parte de uma estratégia do presidente que, insatisfeito, tenta reduzir e controlar a alta dos preços dos combustíveis no Brasil.

Na última quinta-feira (5), o presidente manifestou publicamente sua insatisfação com a alta dos preços dos combustíveis, e citou o ex-ministro Bento Albuquerque e o presidente da Petrobras, José Mauro Ferreira Coelho, em sua reclamação.

“Vocês não podem, ministro Bento Albuquerque e senhor José Mauro, da Petrobras, não podem aumentar o preço do diesel. Não estou apelando, estou fazendo uma constatação levando-se em conta o lucro abusivo que vocês têm. Vocês não podem quebrar o Brasil. É um apelo agora: Petrobras, não quebre o Brasil, não aumente o preço do petróleo. Eu não posso intervir” disse.

O novo encarregado da pasta se manifestou pelo Twitter sobre a escolha de seu nome para o cargo.

“Com muito trabalho e dedicação espero estar à altura desse que é o maior desafio profissional de minha carreira. Com a graça de Deus vamos ajudar o Brasil” publicou Sachsida.

Adolfo Sachsida ocupava até então a chefia da Assessoria Especial de Estudos Econômicos do Ministério da Economia. Doutor em Economia e advogado, o novo ministro já foi professor em universidades brasileiras, como a Universidade Católica de Brasília, e do exterior, como a Universidade do Texas, nos Estados Unidos.


Compartilhe