Cookie Consent by TermsFeed Generator

Polícia Civil, através da DPM de Pirapozinho, dá seguimento à Operação Voleur.

A ação desta manhã contou com a participação de 14 policiais civis, sendo 7 da Seccional de Presidente Prudente e 7 do DOPE (capturas).

Polícia Civil, através da DPM de Pirapozinho, dá seguimento à Operação Voleur. Foto: Divulgação Polícia Civil

Polícia Civil, através da DPM de Pirapozinho, dá seguimento à Operação Voleur.

Polícia Por: Thiago Silva - 17/11/2021

A Polícia Civil, através da DPM de Pirapozinho (Seccional de Presidente Prudente), deflagrou, na manhã desta quarta-feira (17), uma ação policial pertencente à Operação em Âmbito Nacional Voleur.

A ação visa desmantelar uma organização criminosa que, dentre outras modalidades de golpe, ludibriou moradores desta urbe ao realizar a venda de um carro furtado na grande São Paulo e assim repassando aproximadamente R$120.000,00 (cento e vinte e mil reais) para seus associados, através de depósitos bancários;

A investigação, que contou com uma série de métodos investigativos e durou aproximadamente cinco meses, começou, após o registro de crime de estelionato na DPM de Pirapozinho, no dia 21 de maio deste ano.

A ação desta manhã contou com a participação de 14 policiais civis, sendo 7 da Seccional de Presidente Prudente e 7 do DOPE (capturas), realizando o cumprindo de 4 mandados de prisão e 3 mandados de buscas domiciliares, na Grande São Paulo, desta vez mirando os líderes da organização criminosa

Na 1ª fase desta investigação foram cumpridos 7 mandados de prisão e 11 mandados de buscas domiciliares, na Grande São Paulo.

Segundo o Delegado de Polícia responsável pela operação, Dr. Rafael Guerreiro Galvão, com a presente operação policial e suas correlatas buscas e prisões, além do desmantelamento e da cessação da conduta criminosa da organização, haverá a possibilidade de seguimento investigativo a fim de identificar outras vítimas desta organização criminosa e até mesmo acautelar a recuperação de valores para o devido ressarcimento das vítimas.

Além de um veículo de um dos criminosos, foram apreendidos relógios de luxo e 16 mil em espécie, que serão entregues ao procedimento para ressarcimento das vítimas.


Compartilhe