Contrato de publicidade questionado na justiça é cancelado pela gestão Dória.

O Deputado Estadual Danilo Balas (PSL-SP) havia protocolado ação no TJ-SP em março, pedindo a suspensão do aditivo de até R$ 90 milhões.

Contrato de publicidade questionado na justiça é cancelado pela gestão Dória. Foto: EPA/Ansa-Brasil

Contrato de publicidade questionado na justiça é cancelado pela gestão Dória.

Política Por: Thiago Silva - 24/09/2021

Após um impasse jurídico que perdurou por meses, o governo estadual de São Paulo oficializou o cancelamento do contrato de publicidade firmado com as agências, Lew´Lara Tbwa Publicidade e Propaganda Ltda, Propeg Comunicação S/A e Z 515 Propaganda Ltda, que estava em vigor desde 2018, e foi firmado ainda no governo de Geraldo Alckmin.

De acordo com a Revista Oeste o distrato foi administrada pelo governo de João Dória (PSDB) no último dia 15 de setembro, mas o governo Dória já havia assinado o cancelamento dois meses antes.

No âmbito de uma ação popular movida pelo deputado estadual Danilo Balas (PSL-SP), foi protocolado em março deste ano, com pedido de urgência, junto ao Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), uma solicitação de suspensão imediata de um aditivo contratual de até R$ 90 milhões por um período de seis meses para gastos com publicidade, na ocasião a liminar não foi concedida.

O deputado Danilo Balas, que é o agente da polícia federal,afirmou que o recuo do governo é “uma vitória”. “Não sei o que vira pela frente, se teremos um novo contrato, mas estaremos atentos a todos esses contratos de publicidade”, disse o deputado em entrevista a Revista Oeste.


Compartilhe