Cookies management by TermsFeed Cookie Consent

Prefeito de São Paulo passa a ganhar R$ 35 mil, após reajuste de 46,68% em seu salário

Desde de sábado (1º), o prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes (MDB), passou a receber R$ 35 mil de salário mensal. 

Prefeito de São Paulo passa a ganhar R$ 35 mil,  após reajuste de 46,68% em seu salário Foto: Agência Brasil

Prefeito de São Paulo passa a ganhar R$ 35 mil, após reajuste de 46,68% em seu salário

Política Por: Alexandre Branco - 04/01/2022

Desde de sábado (1º), o prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes (MDB), passou a receber R$ 35 mil de salário mensal. Até dia 31 de dezembro, ele recebia R$ 24 mil. O aumento foi de 46,68%. Como consequência, os outros cargos na Prefeitura da capital paulista também foram reajustados, num efeito cascata. Dessa forma, o vice-prefeito (cargo vago) passa a ganhar R$ 31,9 mil e os secretários municipais, R$ 30,1 mil.

O reajuste foi possível pois, em 2020, a Câmara Municipal de São Paulo aprovou o projeto de lei de autoria do ex-prefeito Bruno Covas

por 34 votos a favor, 17 contra e uma abstenção.

Na justificativa, a Prefeitura de São Paulo argumentou, à época “que os salários estavam defasados desde 2012, ano da correção anterior, e o aumento é menor que a inflação nesse intervalo de tempo. Nesse período, a inflação acumulada chegou a 63,11% pelo IPCA e a 100,41% pelo IGP”.

O reajuste, em cascata, incide, também, no teto dos servidores públicos municipais que estão no topo da carreira, o que vai gerar um grande reflexo na folha de pagamento.


Compartilhe