APP aponta como está a saúde mental das pessoas em tempos de pandemia

Uma startup de Bauru, a cerca de 320 quilômetros de São Paulo, desenvolveu um aplicativo que, por meio de testes, aponta como anda a saúde mental das pessoas em tempos de isolamento social por causa da pandemia de Covid-19.

APP aponta como está a saúde mental das pessoas em tempos de pandemia Foto: Divulgação APP Salus

APP aponta como está a saúde mental das pessoas em tempos de pandemia

Saúde Por: Alexandre Branco - 31/05/2021

Uma startup de Bauru, a cerca de 320 quilômetros de São Paulo, desenvolveu um aplicativo que, por meio de testes, aponta como anda a saúde mental das pessoas em tempos de isolamento social por causa da pandemia de Covid-19. O serviço é de graça e o APP pode ser baixado, também sem custo algum, pelo Google Play ou App Store, nas lojas das plataformas Android e iOS, respectivamente.

Batizado de APP Salus, a ferramenta possibilita que o usuário saiba como estão os níveis de ansiedade, estresse, depressão, Síndrome de Burnout  distúrbio psíquico causado pela exaustão extrema , entre outros males que, conforme apontam estudos, têm aumentado desde o início da pandemia, em março do ano passado.

O aplicativo, antes disponível apenas para a população de Bauru, também já está presente em São José do Rio Preto, interior de São Paulo, Natal (Rio Grande do Norte) e, recentemente, chegou a Sorocaba. “Desenvolver esta ferramenta foi a maneira que encontramos para ajudar as pessoas a passar por este momento difícil”, explica o CEO da Salus, Leon Klinke. “Sabemos que a Covid-19 tem afetado a vida financeira, pessoal e, também, a saúde mental da população, pois a nossa rotina foi alterada por causa da doença.”

No entanto, o APP Salus não é apenas voltado à saúde mental. Por meio dele é possível agendar consultas com diversos especialistas, exames médicos, clínicos e laboratoriais e até mesmo serviços odontológicos. A ferramenta é ideal para quem não possui plano de saúde e nem tempo para aguardar a disponibilidade do SUS (Sistema Único de Saúde).

O agendamento é feito totalmente por intermédio do aplicativo, bastando, para isso, um cadastro simples e rápido. “Em poucos dias a consulta ou mesmo o exame são confirmados”, afirma Leon. “Também há no APP um botão de emergência que qualquer usuário pode ativar.”

Um relatório elaborado pela ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) aponta que cerca de 600 mil beneficiários deixaram os planos de assistência médica em 2020. Por sua vez, uma pesquisa do Ibope Inteligência, realizada em 2015, 2017 e 2019, mostra que os planos de saúde só não são mais desejados pela população do que a casa própria e a educação.

Baseado nestes estudos, o empreendedor Leon Klinke atesta que o APP Salus nasceu com o objetivo de democratizar o acesso à saúde suplementar, pois surge como oportunidade tanto para aquela pessoa que deseja um atendimento ágil e sem burocracia, mas que não dispõe de um plano médico ou dinheiro o suficiente para consulta particular, quanto para o profissional que a recebe.

O usuário ainda tem a oportunidade, dentro do próprio aplicativo, de avaliar a qualidade dos serviços e o próprio funcionamento da ferramenta. “Isso nos ajuda e ajuda as demais pessoas a encontrarem especialistas bem avaliados”, conclui o CEO da Salus.

Para saber mais, basta acessar ao site: https://www.salusapp.com/.

(Da Redação, com informações do APP Salus)


Compartilhe