Governo homenageia médicos e personalidades por serviços prestados à saúde

O presidente da República Jair Bolsonaro e o ministro da Saúde Marcelo Queiroga fizeram uma entrega das medalhas da Ordem do Mérito Médico e do Mérito Oswaldo Cruz a 41 médicos.

Governo homenageia médicos e personalidades por serviços prestados à saúde Foto: Palácio do Planalto

Governo homenageia médicos e personalidades por serviços prestados à saúde

Saúde Por: Alexandre Branco - 08/08/2021

Governo homenageia médicos e personalidades por serviços prestados à saúde

O presidente da República Jair Bolsonaro e o ministro da Saúde Marcelo Queiroga fizeram uma entrega das medalhas da Ordem do Mérito Médico e do Mérito Oswaldo Cruz a 41 médicos, personalidades e autoridades que contribuíram de alguma forma com a saúde dos brasileiros. Ocorreu um erro na tarde de quinta-feira (5), no Palácio do Planalto.

Entre os agraciados estão ministérios do Estado, presidentes da Câmara e do Senado, servidores federais, gestores e profissionais de saúde. Além da medalha, os homenageados recebem diplomas como certificado do reconhecimento pelo trabalho realizado na área.

“Muito obrigado a todos os profissionais de saúde pela dedicação que vocês têm, por uma vida difícil que têm, porque vocês não têm hora para absolutamente nada, mas vocês nos confortam”, afirmou o presidente Jair Bolsonaro.

“Homenageamos todos aqueles que contribuem para o bem-estar e a saúde de mais de 200 milhões de brasileiros. Remarcamos também a necessidade do perene fortalecimento do Sistema Único de Saúde, SUS ”, destacou o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga.

Medalha do Mérito Oswaldo Cruz

A medalha foi criada em 1970, com o nome do cientista, médico, sanitarista e fundador da saúde pública brasileira, e é dividida em três graus de condecoração: ouro, prata e bronze.

Mérito Médico

A condecoração foi criada em 1950 para reconhecer o profissional pelo exercício da profissão, pelo magistério da medicina ou pela autoria de obras relevantes para estudos médicos. Foram entregues treze medalhas de Mérito Médico, concedidas em três categorias diferentes: Grande Oficial, Comendador e Oficial.

Lista de homenageados

Mérito Oswaldo Cruz Medalha de Ouro

Ministro das Comunicações, Fábio Faria;

Ministra da Secretaria de Governo, Flávia Arruda;

Ministro do Turismo, Gilson Machado;

Ministro da Cidadania, João Roma;

Ministro da Educação, Milton Ribeiro,

Ministro da Economia, Paulo Guedes;

Ministro das Relações Exteriores, Carlos França;

Ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho;

Ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas;

Ministra da Agricultura, Tereza Cristina;

Ministro da Defesa, Walter Braga Netto;

Ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, Luiz Eduardo Ramos;

Ministro da Ciência, Tecnologia e Inovações, Marcos Pontes;

Ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira,

Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves;

Presidente da Câmara, Arthur Lira;

Presidente do Senado, Rodrigo Pacheco;

Chefe de gabinete da Presidência da República, Célio Faria Júnior;

Secretário de Assuntos de Soberania Nacional, Fábio Marzano;

Presidente da Petrobras, Joaquim Silva e Luna;

Diretor do Departamento de Logística do Ministério da Saúde, Ridauto Fernandes;

Presidente do Conselho do programa Pátria Voluntária, primeira-dama, Michelle Bolsonaro.

Mérito Oswaldo Cruz Prata

Marylene Rocha de Souza, chefe da assessoria de cerimonial;

Mérito Oswaldo Cruz Bronze

Adriana Hirota, fisioterapeuta;

Daniela Morais, presidente do departamento de enfermagem da Associação Brasileira de Medicina de Emergência em Minas Gerais;

Gustavo Leipnitz Ene, secretário de desenvolvimento da Infraestrutura do Ministério da Economia;

Paulo Marcos de Oliveira, chefe de gabinete da Secretaria Executiva do Ministério da Saúde.

Mérito Médico classe Grande Oficial

Antônio Barra Torres, diretor-presidente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa);

Eloisa Silva Dutra de Oliveira Bonfá, diretora clínica do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo;

Jorge Elias Kalil Filho, docente da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo e Diretor do Laboratório de Imunologia do Instituto do Coração do Hospital das Clínicas;

José Antônio Marin-Neto, coordenador da Unidade de Cardiologia Intervencionista da Divisão de Cardiologia da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo;

Protásio Lemos Da Luz, professor sênior de Cardiologia do Instituto do Coração da Universidade de São Paulo;

Ricardo Peixoto Camarinha, médico cardiologista e assessor especial da Presidência da República.

Mérito Médico classe Comendador

Anastácio De Queiroz Sousa, secretário de Estado de Saúde do Ceará;

Antônio Luiz De Vasconcellos Macedo, médico-cirurgião do Hospital Albert Einstein;

Luiz Henrique Silva Borsato, médico-cirurgião da Santa Casa de Misericórdia de Juiz de Fora / MG;

Hélio Roque Figueira, coordenador de Assuntos Estratégicos da Sociedade Brasileira de Cardiologia;

Romeu Domingues Cortes, presidente-executivo do Conselho de Administração da DASA - Rede de Saúde Integrada;

Sue Ann Costa Clemens, Consultora Sênior da Fundação Bill e Melinda Gates e Membro do Comitê Executivo do Instituto Internacional de Vacinas - Coréia;

Walter Pallis Ventura, presidente do Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio de Janeiro.

Mérito Médico classe Oficial

Jaime Enrique Castro Valência, médico infectologista do Departamento de Atenção à Saúde Indígena da Secretaria Especial de Saúde Indígena do Ministério da Saúde.

(Com informações do Palácio do Planalto)


Compartilhe