Ciesp promove palestra on-line em alusão à Campanha Outubro Rosa

Segundo dados do Instituto Nacional de Câncer (Inca), foram estimados 66.280 casos novos de câncer de mama em 2021, com um risco considerado de 61,61 casos a cada 100 mil mulheres.

Ciesp promove palestra on-line em alusão à Campanha Outubro Rosa Foto: Divulgação

Ciesp promove palestra on-line em alusão à Campanha Outubro Rosa

Saúde Por: Alexandre Branco - 18/10/2021

Segundo dados do Instituto Nacional de Câncer (Inca), foram estimados 66.280 casos novos de câncer de mama em 2021, com um risco considerado de 61,61 casos a cada 100 mil mulheres. Com o objetivo de compartilhar informações e promover a conscientização a respeito da importância do tema, a Regional Sorocaba do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp) aderiu à Campanha Outubro Rosa e irá promover no próximo dia 22, das 9h às 11h, uma palestra on-line com o tema “Conheça bem seu corpo, a prevenção salva”.

Ministrada pelo médico radio-oncologista da Nucleon Radioterapia, Dr. Ricardo Ferrari, a palestra trará informações sobre prevenção e promoção da saúde tanto para mulheres, como para homens. “Falar da campanha Outubro Rosa é mais que prevenção, é empatia, engajamento e também solidariedade.  O câncer de mama é uma realidade em nossa sociedade e precisa ser falado abertamente, sem tabus, com clareza e informação, pois como diz o tema do nosso encontro on-line, a prevenção pode salvar vidas”, destaca Ferrari.

De acordo com o médico, devido ao período de quarentena por causa da pandemia de Covid-19, muitos diagnósticos foram atrasados, impactando na detecção precoce da doença. “A Sociedade Brasileira de Mastologia (SBM) estima que das 11,5 milhões de mamografias que deveriam ter sido realizadas no ano passado, apenas 2,7 milhões foram feitas. Essa diminuição acentuada do exame é um fator de risco para milhares de mulheres e muitas oportunidades de cura podem ter sido perdidas, aumentando ainda mais a importância desse tipo de iniciativa”, alerta.

Ainda segundo o médico radio-oncologista, o diagnóstico precoce aumenta significantemente as chances de cura, sendo que 95% dos casos identificados em estágio inicial têm possibilidade de cura. “A mamografia é imprescindível e o principal método para o rastreamento da doença”, conclui.

A palestra será gratuita e aberta ao público em geral. Para participar, basta se inscrever pelo link http://www.ciespsorocaba.com.br/agendas/evento.php?id=767. Após a inscrição, o participante receberá o link para entrar na sala virtual do evento.

O evento tem como parceiros a Liga Sorocabana de Combate ao Câncer, Nucleon Radioterapia, Associação Comercial de Sorocaba por meio do Conselho da Mulher Empreendedora e da Cultura (CMEC), Seconci-SP e Verbo Comunicação.

Sobre o Outubro Rosa

Criado no início da década de 1990, pela Fundação Susan G. Komen for the Cure, o Outubro Rosa é um movimento internacional de conscientização para a detecção precoce do câncer de mama. O símbolo da prevenção ao câncer de mama é o laço cor-de-rosa, que foi distribuído aos participantes da primeira Corrida pela Cura, realizada em Nova York (EUA). Desde então, a campanha é promovida anualmente no Brasil e no mundo todo, a fim de contribuir para a redução da incidência e da mortalidade pela doença.

O objetivo da Campanha Outubro Rosa 2021 é divulgar informações sobre o câncer de mama e fortalecer as recomendações do Ministério da Saúde para prevenção, diagnóstico precoce e rastreamento da doença.

Sobre o palestrante

Dr. Ricardo Ferrari tem 30 anos e é natural de São Bernardo do Campo, no ABC Paulista. É formado pela Universidade Federal de Pelotas (RS) e fez residência médica em Radioterapia pela Universidade de São Paulo (USP). Atualmente é médico radio-oncologista, responsável por tratamento radioterápico da Nucleon Radioterapia e da Santa Casa de Sorocaba. Atua também na Clínica de Radio-oncologia de São Paulo, no Hospital Santa Rita, na capital.


Compartilhe