Votorantim promove trabalho diário de combate ao mosquito da dengue

A melhor forma de prevenção da dengue é eliminar a água armazenada em vasos de plantas, calhas e materiais inservíveis, como latas e garrafas.

Votorantim promove trabalho diário de combate ao mosquito da dengue Foto: Prefeitura de Votorantim

Votorantim promove trabalho diário de combate ao mosquito da dengue

Saúde Por: Alexandre Branco - 24/04/2021

Agentes do Centro de Controle de Zoonoses da Prefeitura de Votorantim têm realizado aproximadamente 150 visitas diárias em residências da cidade para combater o mosquito transmissor da dengue. Esse trabalho também é desenvolvido em reciclagens, borracharias, ferros-velhos, escolas e empresas.

Neste ano, Votorantim registrou 103 casos confirmados de dengue na cidade. Até o dia 19 de abril foram notificados 580 casos prováveis da doença.  

O bairro com mais casos confirmados da doença é a Vila Domingues, com 21. Na sequência aparecem o Parque Bela Vista (16), o Vossoroca (13), além do jardim Clarice e o Parque Jataí, ambos com 8.

Os agentes do Centro de Controle de Zoonoses realizam o trabalho de bloqueio e controle de criadouros em um raio de 150 metros do caso registrado. Atualmente, os profissionais têm trabalhado na região do Jardim Serrano e do Parque Jataí. 

Durante essa atividade, a equipe visita os imóveis, elimina possíveis criadouros e orienta sobre os cuidados necessários para evitar a proliferação do mosquito. Posteriormente, a equipe realiza a aplicação da nebulização. O trabalho é feito para eliminar os mosquitos adultos no mesmo raio de trabalho.

Procedimentos

O trabalho de bloqueio e controle é desenvolvido após o Centro de Controle de Zoonoses receber notificação de caso confirmado de dengue. São realizadas visitas nas casas de acordo com um cronograma priorizando as áreas mais afetadas.

Durante essas visitas são vistoriadas somente a área externa dos imóveis. A parte interna não tem sido averiguada, no momento, devido à pandemia do novo coronavírus.

A aplicação de veneno é feita sempre após a atividade de bloqueio e controle de criadouros, em casos confirmados, também em um raio de 150 metros. O objetivo dessa ação é exterminar o transmissor da dengue.

Prevenção

A melhor forma de prevenção da dengue é eliminar a água armazenada. Por esse motivo, é importante manter a caixa d'água, os tonéis e barris fechados, além de lavar semanalmente com escova e sabão os tanques de armazenamento de água. 

Em relação aos vasos de plantas, o ideal é retirar os pratinhos situados na base, pois eles acumulam água e tornam-se criadouros do mosquito. Outros cuidados precisam ser tomados com as bandejas de geladeira, com ralos e vasos sanitários sem uso e materiais inservíveis pelo quintal.

Já os materiais inservíveis, como latas e garrafas, não devem ser acumulados em locais abertos. O ideal é que esses produtos sejam destinados à coleta de resíduos sólidos. Outra dica é colocar o lixo em sacos plásticos.

Os imóveis também necessitam de atenção. As calhas precisam estar sempre limpas e a água não deve ficar acumulada sobre as lajes.

O telefone da Zoonoses de Votorantim é (15) 3243-3807. Por meio desse contato é possível fazer denúncias de potenciais criadouros do mosquito transmissor da dengue.


Compartilhe